quarta-feira, 29 de julho de 2009

Biscoito de polvilho no liquidificador


Rapidinho,gostosinho... aqui vai

Bater no liquidificador por 5 minutos:

1/2 copo de óleo
2 ovos
sal a gosto
4 colheres de sopa de água

Parar de bater e colocar 1 copo de polvilho doce, BATER POR MAIS 5 MINUTOS!

Colocar em forma de furo no meio de tamanho grande, se for pequeno dá 2 formas.Não untar! E por pra assar em forno bem quente.A quantidade de massa parece pouca, mas cresce muito.E quando estiver dourado em cima tirar do forno!

Dá para fazer com polvilho azedo tb, mas cresce menos...

Pensando aqui enquanto postava, deve ficar legal também assar em forminhas de empada..heheheheh

Mais uma receita da comunidade : Receitas Culinarias.

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Decoupage em sabonete






Ai gente, a correria ta tanta, ando sem tempo pra respirar! Mas não posso abandonar meu cantinho né?!

Hoje vou postar o passo a passo de decoupage em sabonetes, super facil e uma otima opção para presentear.

As fotos não foram tiradas por mim, peguei no google e tem a assinatura "by lica", Então agradeço de antemão à artesã.

Material:

Sabonete
Termolina leitosa
cola branca
tinta glitter
estilete
pincel macio
guardanapo para decoupage
verniz vitral incolor
fitas
tule

-Pegue um estilete e vá raspando, sem deixar ondas, até tirar a marca do sabonete e deixá-lo bem liso.
Para completar essa etapa, umedeça os dedos na água e alise totalmente a superfície.

-O próximo passo é recortar uma figura do guardanapo que você escolheu. Usando a tesoura, corte bem no limite do desenho, com todo cuidado. Não esqueça de descartar as duas vias brancas do guardanapo.

-Com a ajuda de um pincel, passe uma camada fina de termolina por cima da figura.Espere secar.

-Agora contorne toda a figura com tinta glitter, combinando com a figura escolhida.
Espere secar.
Passe por último uma camada de verniz vitral em toda a frente do sabonete e por cima da figura.

-Depois de tudo bem seco, cole ao redor do sabonete a fita com a cola branca. Deixe secar e passe uma camada fina por cima da fita para impermeabilizar. Deixe secar.

Corte um pedaço de tule e embrulhe o sabonete, dando um laço bem bonito de fita.

sexta-feira, 17 de julho de 2009

Pão doce com creme, hummmmmmmm!!


Nunca tive a mão boa pra fazer pães, ou receitas que levam fermento biologico... mas estou tentada a testar essa... hehehehehe


Ingredientes

1 kilo de farinha de trigo (nao coloque toda farinha de uma vez)
100 gr. de fermento de pão (ou 3 colheres sopa de fermento seco granulado )
200 gr. de açúcar
200 gr. de margarina
5 ovos
1 pitada de sal
1/4 de litro de água aproximadamente

modo preparar

Faça uma esponja com 100 gramas de farinha de trigo, o fermento e um pouquinho de água.

Deixe-a descansar por uns 15 minutos. Após este descanso, adicione o restante dos Ingredientes e faça uma massa bem macia. Cubra-a com um pano, durante uns 20 minutos. Após este descanso faça os modelos, recheando a gosto, pincele com ovos batidos e espere o crescimento até quase atingir o seu dobro, após tudo pronto, torne-a pincelar com ovos e leve para assar em forno pré-aquecido.

Rosca simples: decore-a com açúcar cristal
Trança de frutas: decore com figo, nozes, cerejas e açúcar de confeiteiro

Se for decorar com creme não tem necessidade de pincelar com gemas antes de assar.

Receita do Creme:

1 caixa de po para pudim sabor baunilha.
Siga as instruçoes da caixa e leve ao fogo adicione 1 colher de bauniha e 3 colheres sopa cheia de açucar.

(Depois do pao sair do forno passe esse creme no pao e jogue coco em flocos por cima (ou qualquer outro coco) .

Volte ao forno desligado deixe la por uns minutos ...


(Receita retirada da comunidade no orkut Culinária - Receitas - receita de Benjamim Abrahão)

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Pastelzinho de forno


Que tal no fim de semana?

Massa:
• 3 xícaras (chá) de farinha de trigo
• 4 colheres (sopa) de manteiga
• ½ xícara (chá) de creme de leite
• 1 colher (sobremesa) de fermento em pó

Recheio:
2 colheres (sopa) de óleo
1 cebola
1 dente de alho
300 gramas de carne moída
2 tomates
1/2 xícara (chá) de cebolinha
1/2 xícara (chá) de azeitonas
Temperos a gosto

preparo:
Em uma panela, aqueça o azeite e frite a carne. Junte a cebola, o alho, os tomates, as azeitonas, temperos a gosto (orégano, manjericão e pimenta) e cebolinha verde picada. Misture até se agregarem. Desligue e reserve.
Modo de fazer massa:

Coloque numa vasilha, o trigo e o resto dos ingredientes; amasse com os dedos até a massa ficar lisae solte das mãos. Deixe descansar por meia hora, cubra a massa. Aos poucos, abra a massa fina , corte com um cortador ou um copo, recheie e pincele com gemas. Leve ao forno por 20 minutos.

O recheio pode variar de acordo com o gosto de cada um.

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Como desidratar flores e bouquets


Especial para noivas que gostam de por a mão na massa (como eu hehehehe)!

Como desidratar flores

Existem várias técnicas. Deve-se escolher a mais adequada para a flor e o resultado desejado.

Dicas gerais:

Os tempos de secagem variam de acordo com as plantas usadas.
É melhor cortar as flores que serão desidratadas antes de desabrocharem completamente, pois elas continuam a abrir enquanto secam.
Colha as flores em um dia seco, depois que o orvalho da manhã tiver secado. Escolha flores sadias e descarte as folhas ou pétalas secas.
Se não for secar ao natural, corte os cabos das flores. Se pretende usar em arranjos, deixe aproximadamente 3 cm e depois de secas use arame e fita de florista para criar os cabos.
Para desidratar um buquê inteiro é necessário que todas as plantas usadas possam ser desidratadas com o mesmo método. Em geral usa-se a silicagel. Se não for possível, fotografe o buquê, desmonte-o, seque as flores individualmente e torne a fazer a montagem guiando-se pela foto.
Se você pretende desidratar seu buquê de noiva pense na possibilidade de encomendar dois iguais, um para ser desidratado e outro para jogar para as convidadas. Também é interessante fazer um teste, algumas semanas antes, com um buquê semelhante para avaliar os resultados.
A silicagel pode ser reaproveitada. Basta retirar a umidade usando o forno convencional.
Se usar a técnica da areia ela deve ser bem fina, limpa, seca e sem sal. Passe por uma peneira, lave bem, seque ao ar livre e retire o excesso de umidade aquecendo no forno convencional.
Se desejar, após desidratar, passe uma camada fina de verniz spray para evitar que as flores absorvam a umidade do ar.
Guarde as flores em sacos plásticos ou recipientes bem fechados até a hora de usar em seus arranjos.

MÉTODOS

Ao ar livre
É o mais simples mas as cores são alteradas. Demora de uma a duas semanas, de acordo com a umidade das flores e do local. Remova as folhas da extremidade do cabo, faça pequenos maços e pendure de cabeça para baixo em um local seco (sótão ou armário). Evite colocar no porão, varandas ou garagens. Não encoste o maço na parede.
Para rosas, corte o cabo e cuidadosamente passe um arame de florista pelo centro de cada flor. Pendure de cabeça para baixo usando o arame e deixando um espaço entre as flores.

Glicerina
O método consiste em substituir a água existente na planta pela glicerina. Demora aproximadamente 3 semanas.
A planta deve estar bem hidratada e sadia. É excelente para folhagens como o eucalipto. Use duas partes de água e uma de glicerina. Para facilitar a mistura e absorção use água morna.
Se for usar apenas folhas elas devem ser totalmente submersas na solução. Se usar galhos, amasse a ponta para facilitar a absorção e mergulhe a parte inferior no líquido.
Após retirar da solução corte a parte que ficou mergulhada no líquido e pendure de cabeça para baixo por alguns dias para garantir que a glicerina chegue até as extremidades. A mistura de glicerina pode ser reutilizada várias vezes. Se desejar, acrescente corante de alimento na solução.

Prensagem
Muito fácil, usado em geral para flores e plantas que serão coladas em cartões ou quadros pois elas ficam "chatas". Demora de duas a quatro semanas.
Coloque as flores entre folhas de papel absorvente (jornal, lista telefônica antiga) formando um "sanduíche". Coloque o conjunto entre duas madeiras planas e um peso no topo.

Areia ou bórax
Corte o cabo da flor. Coloque uma camada de 2 a 4 cm de areia no fundo do recipiente e faça uma depressão, coloque a flor com o cabo para baixo (rosas) ou para cima (margaridas) e faça uma ligeira pressão com a areia em volta para firmar a flor no lugar.
Com a mão ou com uma colher, preencha delicadamente os espaços entre as pétalas com a mistura, começando pelas mais externas e mantendo a forma original.
Cubra toda a flor. Coloque o recipiente aberto em local quente e seco por aproximadamente 2 semanas.
No lugar da areia pode ser usado também uma parte de bórax e uma de fubá acrescentando-se 3 colheres de sopa de sal sem iodo para cada xícara da mistura. Flores secas com areia ficam muito frágeis, cuidado ao manusear. Use um pincel e delicadamente retire a areia que ficar nos vãos das pétalas.

Silicagel
Proceda como a técnica da areia, cubra toda a flor e use um recipiente que possa ser hermeticamente fechado (tipo Tupperware).
Vede com fita crepe ou coloque a vasilha dentro de um saco plástico, retire o ar do saco e lacre. A umidade da flor é absorvida rapidamente preservando as cores melhor que qualquer outro método. A maioria das flores seca em 36 a 48 horas.
A silicagel é um produto químico utilizado para retirar a umidade de ambientes e objetos. Tem a aparência do sal grosso e muitas vezes pode ser encontrada em lojas de material fotográfico. Pode ser reaproveitada, bastando aquecê-la no forno baixo para retirar a umidade. Deve ser guardada em embalagem hermética.

Parafina
Use flores frescas. Derreta a parafina, segure uma flor por vez pelo cabo e delicadamente mergulhe na parafina.
Retire, sacuda gentilmente para tirar o excesso de cera e coloque na geladeira para endurecer.

Fonte: Blog Brasileirices

Gelatina "caipirinha"!


Essa é pra turma que gosta de adicionar o alcool em tudo, com parcimônia, é claro...

Gelatina caipirinha

Ingredientes:

1 envelope de gelatina em pó sem sabor (12 g)
1 lata de Leite condensado
2 colheres (sopa) de suco de limão (coloquei 4)
5 colheres (sopa) de pinga
1 colher (sopa) de raspas da casca de limão

Preparo:
Dissolva a gelatina em seis colheres (sopa) de água fria, em banho-maria ou no micro-ondas por 15 segundos. Em uma panela, misture bem o leite condensado com o suco de limão, a pinga, a gelatina dissolvida e cozinhe em banho-maria por cerca de 20 minutos, sem mexer. Despeje em um recipiente refratário (20 x 30 cm - usei quadrado de 20 cm) molhado e leve à geladeira por cerca de 4 horas ou até ficar firme. Retire da geladeira, corte em quadrados e espere ficar em temperatura ambiente. No momento de servir, polvilhe as raspas de limão.

Dicas de quem criou a receita:
- Se desejar, polvilhe açúcar também no momento de servir.
- O cozimento do leite condensado com a pinga em banho-maria durante o tempo indicado garante a evaporação do álcool da bebida, ficando apenas o sabor e o aroma dessa bebida tão brasileira.

Receitinha da nestle

terça-feira, 14 de julho de 2009

Luminaria com bola e linha


Navegando pela blogosfera, a gente encontra coisas inimagináveis... Eu no auge de minha criatividade jamais imaginaria que dá pra fazer uma linda luminaria com uma bola de plastico e linha.

Veja o passo a passo com foto no blog colcha de retalhos

Alias o blog todo tem otimas dicas.

Não vejo a hora de comprar minha bola e linhas pra fazer!

quinta-feira, 2 de julho de 2009

Licor Amarula "generico"


Pra quem gosta de uma bebidinha docinha ...


Ingredientes:

750ml de Conhaque
1 lata de creme de leite
1 lata de leite condensado
1 colher de sopa de leite em pó
2 colheres de sopa de chocolate em pó

MODO DO FAZER:

1. Bater tudo no liquidificador
2. Servir gelado