quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Segredo de família - Secando a baba do quiabo


Esse fundo preto, não é o teflon da minha panela que voltou magicamente, e sim a baba do quiabo que foi seca!

Vejam que não resta mais nada de baba, quem quiser fazer deste modo, verá que ao começar a mexer a baba parece que até aumenta, mas é so ser paciente e ir mexendo até secar.


Sei que quiabo é o tipo de coisa que as pessoas amam ou odeiam. Mas muitos que já ouvi dizerem odiar é pela baba excessiva. Então fazendo meu quiabinho em casa, resolvi clicar o momento, pra vocês verem que tem como deixar o quiabo, sem baba nenhuma, o que pra mim não tem muita graça, mas quando não faço so para meu bel prazer, seco ele o máximo.

Bom e a dica né, qual é?

Faça assim:

Lave e corte seu quiabo no formato que quiser, feito isso, coloque em uma panela, ou frigideira, um fundinho de óleo, sem temperos ou sal, deixe aquecer e coloque o quiabo, e vá mexendo, mexendo, mexendo, a baba irá grudando no fundo, fazendo uma crosta preta, va mexendo até chegar no "nivel" de baba que você prefira, pouca, ou nenhuma como na foto.

Depois disso é so usa-lo na sua receita, frango, carne de porco, carne moida, puro...

Mamãe me ensinou, eu apredi direitinho e agora to repassando!

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Barricas




Andando pela rua, e como sempre olhando bem as caçambas, encontrei essas 2 barricas, revesti com papel e cianinha, ficou uma graça, agora coloco meus sapatos de uso mais constante.

Alguem ai também tem essa mania de ficar com olho comprido nas caçambas, em busca de algum reciclável?

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Torta de fria de pão de forma

Ainda fazendo a linha, sou leve, sou light, tenho consciência pesada, fiz essa torta de pão de forma, bem saborosa e leve (o light já não tenho tanta certeza).

Forre um refratário ou assadeira com plastico pvc, coloque uma camada de pão de forma sem a casca, recheie a gosto. Pode-se usar patês, pastas, saladas, no meu usei uma misturinha de cenoura ralada e peito de frango desfiado,cebola,e para dar uma liga, maionese light para uma camada, e na outra camada, uma saladinha de alface picado com abobrinha verde e um pouquinho de maionese e mostarda para dar liga. Coloque outra camada de pão, mais uma de recheio, e a ultima de pão, pressione bem, e leve a geladeira, pelo menos por meia hora, pra ficar compactado. Feito isso, desenforme e cubra com purê de batatas e jogue uma batata palha básica (tá vendo, falei que não tinha tanta certeza quanto ao light).




Ah, e esse livrinho ai, é uma dica que gostaria de deixar para vocês, sejam iniciantes ou ja iniciados na arte da cozinha.

É um livreto das meninas do blog Rainhas do Lar, com todas as dicas preciosissimas e com o mesmo jeito descontraido de escrever. Vale a pena adquirir e mante-lo ali do ladinho do fogão.

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Salada de alface diferente - Enroladinha!!





E para dar um alívio na consciencia, após tantas comilanças, resolvi fazer um saladinha que vi na comunidade CULINÁRIA RECEITAS.

Nada mais é do que a sua tradicional saladinha de alface o que muda é a apresentação.

Na minha usei, peito de peru, e dentro, como recheio uma saladinha de abobrinha verde e cenoura raladinha, temperadas com azeite, limão e sal (pra ficar ainda mais leve), ja que a original era com tipo um purê de batatas.

Para montar basta, colocar uma fatia do peito de peru, em cima uma folha de alface, e dentro o seu recheio, enrolar, acomodar e servir.

O molhinho em cima da salada foi feito com, 2 colheres de maionese, 1 de mostarda, limão,azeite e cheiro verde. Misturei bem e deitei sobre os rolinhos.

Esta saladinha foi servida juntamente com uma bela Camadas de Merluza.

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

E rolaram mais risottos!


Risoto de camarão

Risoto de Tender

Risoto de Tender

Em datas diferentes.
Teve repeteco do delicioso de camarão, e uma receita nova com tender!

hummmm

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Cabeça de porco recheada





Um sábado assistindo o programa Globo Rural, passou essa inusitada receita, fui comentar com uma amiga minha, e a mãe dela também havia assistido, e estavam loucos para fazer.

A receita com video você encontra aqui no site do programa .

É inusitado, mas eu, que adoro uma comida digamos "rústica" fiquei salivando só de ver, e para me atentar ainda mais, os pais da minha amiga fizeram e ela fez questão de me torturar mandando as fotos. O senhor que aparece nas fotos é o pai dela, o sr. Jair Fagiani, que atacou de "Ivo Pitanguy", e executou o desossamento e reconstrução da cabeça do porco.

INGREDIENTES:
1 cabeça de porco
1 kg de miúdos de porco
1 xícara e meia de farinha de mandioca
1 xícara de óleo
1 xícara de vinagre
2 cebolas picadas
1 cabeça de alho
Pimenta do reino, sal e cheiro verde a gosto






MODO DE PREPARO:

O primeiro passo é cozinhar os miúdos, como fígado e pulmão. Eles vão para a panela com água, sal e três dentes de alho. Misture tudo e tampe. Em seguida, tire o couro da cabeça do porco com uma faca bem afiada. O segredo é fazer cortes pequenos para não furar a pele. Redobre a atenção na região do focinho. Depois de retirado, o couro precisa ser lavado. Retire os ouvidos e raspe em torno da boca para retirar toda a sujeira.

Numa forma, coloque três dentes de alho, o vinagre, sal e pimenta a gosto. Nesse tempero, o couro deve ficar por pelo menos duas horas. Enquanto isso, prepare o recheio da cabeça de porco, a farofa de miúdos. Depois de 40 minutos na panela, as carnes estão cozidas. Retire-as do fogo, pique em pedaços pequenos e leve a uma panela com 1 xícara de óleo. Deixe aquecer e acrescente mais três dentes de alho e as duas cebolas picadas. Depois, a pimenta e o cheiro verde. Os miúdos vão para a panela no final, aí é só mexer, tampar e deixar no fogo por 15 minutos.

A farinha de mandioca crua é o último ingrediente da farofa e só é acrescentada com o fogo apagado para não empelotar. A farofa tem que ficar bem úmida.

Costure toda a cabeça do porco, coloque o recheio pela boca e costure também. A cabeça vai para uma forma e é regada com óleo. A forma vai para dentro do forno a lenha e depois de uma hora o assado está pronto.

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Salmão ao molho de maracujá (assado)



Eu já havia postado aqui uma receita de salmão ao molho de maracujá, porém era frito.
Para a ceia de Ano Novo fiz este salmão assado, quase que não sobra nem as espinhas.

Umas 6 horas antes,limpei, tirei as escamas e temperei o salmão com sal, limão e pimenta do reino (salmão inteiro,somente sem a cabeça). Passado este tempo, fiz uma caminha de batatas no fundo do pirex para o lindão não grudar, deite-o por cima e cobri com papel aluminio, levei para assar por uns 30 minutos, depois disso tirei o aluminio e deixei dourar.

O molho de maracujá:

Peguei a polpa de 3 maracujás, bati no liquidificador com 1 copo de água (300 ml aproximadamente).Em uma panela refoguei, cebola alho e um cubinho de caldo de legumes, coloquei o suco coado, e deixei dar uma reduzida, acrescentei uma caixinha de creme de leite, e desliguei, estava pronto meu delicioso creme de maracujá.

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Salada de lentilhas


Para não passar batido, no reveillon inventei de fazer uma salada de lentilhas (porque nos anos anteriores, sempre fazia no arroz, e muita gente prefere o arroz branquinho), então cozinhei 1 pacotinho de lentilhas, não muito elas precisam manter o formatinho, coisa de 7 a 8 minutos na panela de pressão. Escorri e reservei. Juntei tomates,azeitona verde, cebola, pimentão, cheiro verde picadinhos e também uma lata de grão de bico escorrida.

Misturei tudo e temperei com bastante azeite e limão (sal a gosto),pra decorar ovo cozido e grão de bico.

Ficou bem suave,leve e não ficou encalhada como o arroz c/ lentilhas!

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Galeto assado e farofa crua




Entre Natal e Reveillon, recebi visitas em casa, e para variar o cardápio inventamos de fazer uns galetos assados, para acompanhar eu queria uma farofa, mas uma farofa diferente, então peguei essa receita de farofa fria, e foi mais uma bela combinação.

Para 4 pessoas muitooo bem servidas fizemos 3 galetos.

Deixei-os temperando da manhã até a noite, em limão, sal, alho, pimenta do reino.

Antes de assar, amarrei as coxas e prendi as asas também com barbante, e levei para assar uns 30/40 min e depois dourar.

A farofa crua é como uma salada. Acompanhou lindamente nossos galetinhos.

1 cenoura crua ralada, 1 tomate picadinho, azeitonas picadinhas, cebola, pimentão (os ingredientes podem variar a seu gosto), tempere esta salada com azeite, limão e sal, e acrescente a farinha, tem que ficar uma farofa molhadinha.

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Canapés/petiscos práticos




Usando a ideia de fazer cestinhas com a massa de pastel (basta coloca-las para assar na forminha de empadas), fiz estes canapés no natal, nem botei muita fé que o "povo" ia gostar, mas adoraram e pediram bis.

O recheio das cestinhas foram:

Ricota amassada, com um pouco de requeijão para dar uma liga.

Uma eu misturei damascos e ameixas processados.

Outro juntei um pouco de gorgonzola processado.

Ficaram deliciosos.

Como ainda havia damascos inteiros, cortei-os ao meio, sem separar totalmente e recheei com a pastinha de ricota,requeijão e gorgonzola, foi um casamento perfeito.

Com certeza estas delicias voltarão em outras festinhas.Mais alguem usa as festas de fim de ano para testar receitinhas??? rsrsrsr

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Licores de Laranja com baunilha e Hortelã com Anis




Comecei em outubro, para que ficassem prontos a tempo do Natal. Vamos para a receita então!

Licor de Laranja

Ingredientes:

* 3 laranjas
* Meio litro de aguardente
* Meio litro de água
* 750g de açúcar
* 1 fava de baunilha (ou uma colher de sopa de essencia de baunilha, foi a que usei)

Preparação:

Depois das laranjas lavadas, corte-as em pedaços.
Coloque as laranjas num frasco vedante, cubra-as com a aguardente e agite bem de forma a que as laranjas fiquem todas cobertas pela aguardente.
Tape e armazene o frasco durante 2 meses.
Passado os 2 meses abra o frasco e coe a aguardente com uma rede fina.
Deixe de parte a aguardente e coloque a água dentro do frasco para lavar as laranjas, mexa bem para aproveitar todo o sabor da laranja.
Coe a água para dentro de um tacho e junte o açúcar à água, leve ao fogo, mexa e deixe ferver até atingir o ponto pérola.
Passado cerca de 15 minutos desligue o fogo e coloque a essencia de baunilha (caso use a fava, coloque para curtir junto das laranjas).
Para atingir o ponto pérola, o açúcar deverá caír em gotas quando colocar a colher sobre o mesmo
Deixe arrefecer.
Depois da calda fria, junte a aguardente e misture bem.
Por fim, coe o licor para uma garrafa.

Licor de Hortelã e Anis

Ingredientes:

300 gramas de açúcar refinado;
250 ml de álcool;
15 a 20 folhas frescas de hortelã;
3 sementes de anis.

Modo de Fazer:
Limpe cuidadosamente as folhas de hortelã com um pano úmido. Coloque-as em uma garra de vidro. Junte as sementes de anis ao álcool, feche bem e guarde em um lugar arejado por oito dias, tendo o cuidado de agitar o vidro todos os dias. Depois desse processo, coloque o açúcar com 250 ml de água e deixe dissolver em fogo baixo até ficar em ponto de calda. Retire do fogo e deixe esfriar. Junte então todo o conteúdo da garrafa com a calda, depois de bem filtrado. Mexa tudo e deixe descansar por um mês.

Anis, nada mais é do que a sementinha da erva doce, aquele pacotinho que encontramos nos mercados junto aos condimentos.

As receitas foram encontradas via google nos sites:

LicorEiras e Sabor Intenso


Depois de prontos e cada qual em sua garrafinha, que decorei passando umas voltas de fio encerado e usando uns miçangões, fiz uma cesta juntamente com os biscoitinhos natalinos e panetone trufado.

segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

Panetone trufado, ainda na saga natalina


Corte a parte superior do panetone, tirando fora a "tampa" e reserve-a. Cave com auxilio de uma faca e colher um buraco no panetone, mantendo as laterais e fundo, reserve também o que foi retirado do miolo do panetone.
Faça uma ganache de chocolate básica (derreter chocolate e acrescentar creme de leite), e recheie, coloque uma camada da ganache e uma com uma parte do miolo do panetone que foi retirado, vá intercalando, até chegar no topo, recoloque a tampa, e decore a gosto.





Bom, guardem a idéia para fazerem no próximo natal, pois fica muito saboroso e legal demais para presentear.

Ou ainda para fazerem com a colomba pascal, que para mim é um panetone de páscoa!
Para decorar, usei somente chocolate derretido,porém penei um pouco, pois derreti o chocolate no microondas, e passou do ponto, ficou meio seco, mas usei-o assim mesmo, deixou um aspecto mais rústico. Então se quiserem com aspecto bem lisinho, cuidado na hora de derreter o chocolate.

Feliz 2011!!!


Olá meus queridos, um feliz e abençoado 2011 à todos! Que possamos a cada dia nos melhorar como seres humanos buscando sempre o caminho do bem e da verdade!

Como até dezembro ainda é 2011, então fica aqui meu desejo de um novo ano maravilhoso para vocês!